Master Group | Transplante Capilar FUE

www.transplantecapilar.pt | +351 937 553 261 | +351 210 168 281 | Equipa médica altamente especializada em transplante capilar pela técnica FUE

Diagnóstico dos problemas dos cabelos

Por vezes temos cuidados diários com os cabelos e mesmo assim eles continuam secos, sem brilho e pouco saudáveis. Nesses casos em concreto o problema pode ter uma génese mais profunda que deve ser investigada. De entre algumas causas possíveis enunciamos apenas algumas.

Disfunções hormonais- As disfunções hormonais como aquelas que se associam a um mau funcionamento da tiróide, dos ovários, no caso das mulheres, e mesmo da hipófise podem ter uma influência direta no cabelo, tornando-o mais frágil e quebradiço , contribuindo diretamente para a sua queda. Nestas situações a visita a um médico endocrinologista pode ser aconselhável.

Genes- A genética permite determinar tudo em relação ao cabelo de uma pessoa. A cor, a espessura, o volume, a tendência maior ou menor para os cabelos brancos e até mesmo a maior ou menor propensão para se tornar calvo. Assim, se olharmos para os nossos familiares diretos e o modo como os seus cabelos se comportam, poderemos inferir como os nossos próprios cabelos se irão comportar num futuro próximo. Nas questões que misturam a genética e os cabelos a visita a um especialista de tricologia pode dar dicas importantes.

Alimentos- Tudo aquilo que comemos tem um reflexo direto naquilo que é o funcionamento do nosso organismo e também um peso importante na forma como os nossos cabelos se desenvolvem. De facto, note-se que a ausência ou consumo deficitário de certos nutrientes na dieta alimentar como sejam o zinco, o ferro ou mesmo o cobre podem tornar os fios de cabelos mais frágeis e portanto mais sujeitos à queda. Nestes casos, ma dieta equilibrada pode ser a resposta que faltava para estimular a beleza e o aspeto saudável dos cabelos.

Produtos capilares- A verdade é que os produtos e tratamentos que aplicamos ao cabelo tanto podem ser os maiores aliados como os maiores inimigos. Aqui a questão equaciona-se não apenas em relação à qualidade dos produtos que utilizamos,mas igualmente com a quantidade de vezes a que sujeitamos os nossos cabelos a determinados tratamentos.

 

 

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: